O planejamento sobre a sucessão da administração e dos cargos de gestão é um momento muito delicado para empresas familiares, não se atentar a isto pode gerar graves consequências para a sobrevivência da empresa.  Entenda:

O maior desafio das empresas é encontrar quem será o profissional que irá substituir o fundador e saber a forma correta de fazer a transição. Para evitar que isso ocorra, é necessário usar estratégias e planejamento.

Atualmente, as empresas familiares de sucesso têm optado pela sucessão familiar por meio de estratégias societárias, como a constituição de sociedades denominadas holdings. Essa opção possibilita fácil acesso ao crédito no mercado e agilidade no processo de inventário.

Independentemente do modelo definido, os planos de sucessão devem levar em conta a preservação da família, o conceito de propriedade e a própria empresa. Na maioria dos casos, a companhia passa a ter uma diretoria executiva, um conselho de administração composto pela família e, às vezes, por conselheiros contratados.

A profissionalização das empresas familiares é, portanto, a peça-chave para a sua sobrevivência e também evita futuras desavenças familiares.

Sua empresa esta em momento de mudanças e inovação? Podemos ajudar! Contate o Grupo Áurea!